“Geração Z” vs “Geração Y” – Saiba como lidar com as diferentes gerações nas empresas sem ser “Cringe”

Se não deu uma voltinha em Marte ultimamente, com certeza você deve estar por dentro do termo “cringe”, que quer dizer algo como “vergonha alheia”. A rivalidade entre as duas gerações, Geração Z e Y, tomou força nos últimos dias. Mas, você sabe lidar com as diferentes gerações em sua empresa?

Sabemos que dentro de uma empresa muitas gerações convivem no mesmo espaço de trabalho, mas infelizmente nem todos os grandes gestores enxergam as grandes possibilidades que esta convivência oferece.

Diferentes gerações podem ter certa rivalidade, como é o caso das últimas semanas, quando a geração Z acusou a geração Y de ser “cringe”, ou melhor, que existem “coisas de cringe”, obviamente a geração Y se ofendeu bastante.

Qual o conflito que existe entre as diferentes gerações nas empresas?

Esclarecendo, o termo cringe foi utilizado para definir alguns termos que os adultos falam, no caso, a geração nascida entre os anos 80 e 90, portanto, falar: “litrão”, “boleto”, “tomar café”, “assistir Harry Potter” entre outros, são coisas de “cringe”.

Obviamente a geração Y não ficou muito satisfeita com isso e houve um debate nas redes sociais e, obviamente, houve troca de memes muito engraçados como respostas aos insultos.

Inclusive, alguns da galera Z, também se assumiram “cringes”, levantando uma hashtag “#orgulhocringe”. Enfim, tretas a parte, é importante que um bom gestor saiba como trabalhar com as diferentes gerações dentro da empresa.

No trabalho já existe certo desconforto, pois embora muitos jovens levantem diversas bandeiras contra o preconceito de qualquer tipo, em muitos casos são estes mesmos jovens que levantam barreiras quando se trata de trabalhar com pessoas mais velhas.

Por sua vez, as pessoas mais velhas também não são muito receptivas quando precisam receber ordens de pessoas mais jovens, tornando a convivência um pouco conflituosa por ambas as partes.

Afinal, como lidar com as diferentes gerações nas empresas sem ser “cringe”?

Mas, como resolver os conflitos? A ideia mais sensata, e que já vem sendo utilizada inteligentemente pelas grandes empresas, é a de aproveitar o talento de cada geração em sua respectiva área.

É possível exemplificar ações como a de uma empresa que criou uma consultoria só com os sessentões, aproveitando a experiência de vida deles já que viveram a vida toda fazendo aquela função naquela determinada área.

Assim como existem empresas que utilizam os talentos da turma mais jovem para modificar a linguagem ou a identidade de sua marca a fim de deixar mais atualizada com o momento, com a situação e com as novas tecnologias.

O gestor precisa conhecer os talentos de cada um da sua equipe para aproveitá-los conforme as necessidades da empresa, com isso, além de evitar possíveis conflitos, cada um se sentirá mais especial também.  

Conclusão

Assim, concluímos que as soluções para as “tretas”, ou melhor, “conflitos” existem e precisam ser adotadas a fim de promover a diversidade de talentos de tantas gerações. E você está preparado para as futuras gerações?

admin

Empresa de soluções WEB, sistemas e sites, para facilitar a comunicação e a prestação de serviços de nossos clientes. Atendendo clientes em todos os estados do Brasil.